sexta-feira, 2 de outubro de 2009

ENCONTREI-TE


VI-TE POR ACASO NAQUELA TARDE ...
E ESTE CORAÇÃO MALVADO...
QUE EU JULGAVA ADORMECIDO...
SALTOU COMO ESPICAÇADO...
E NUM SEGUNDO...REVIVI TODO O MEU PASSADO.
ÁH PASSADO !!!
VOLTASTE EM FORÇA MALVADO...
VIESTE MEXER NO QUE ESTAVA SOSSEGADO...
E AGORA ?
COMO VOU CONTER AS LÁGRIMAS...
QUE TENHO GUARDADAS AINDA...
COMO VOU SONHAR QUE ESTÁS A MEU LADO...
SE ESTE CORAÇÃO BATEU COMO NO PASSADO...
MALVADO, VIESTE DESENTERRAR O QUE ESTAVA ENTERRADO...
NÓS ÉRAMOS UMA LINHA CONTÍNUA...
QUE FOI CORTADA AO MEIO PELO TRACEJADO...
UM SEGUIU EM FRENTE, OUTRO FICOU ABANDONADO...
ENCONTREI-TE...
MAS PARA QUÊ ?
SE AMBOS TEMOS AMORES DESENCONTRADOS !!!!

F.Campos

25 comentários:

comunicadoras disse...

Muito lindo este teu « encontrei-te» Nem sempre os encontros são felizes; às vezes doem.., trazem lembranças más..., o coração antes sossegado fica tumultuado; também os há felizes..., que nos fazem bem..., que nos fazem reviver momentos felizes do passado..., que fazem o nosso coração palpitar de alegria..; mas, como costumo dizer a vida é feita de encantos e desencantos, encontros e desencontros..., tormentos..., acalantos...Parabéns amiga! Escreves muito bem! Um beijinho
Emília

Sandra disse...

Convido vc. para sentar neste lindo bano e conversarmos um pouco. estava com saudades de vc. Incrivel como as pessoas nos fazem faltas, não é mesmo.
Tem selos para vc. em todos os meus blogs.
Te espero lá com muito prazer, minha doce e amada amiga.
Vamos fazer um momentos muito feliz. Tem um Leitura no blog uma interação de amigos. Pegue seu banquinho e vamos sentar lá também.
Te espero com muito prazer.
Belo texto o seu...
Encantos e desencantos, encontros e desencontros. quem não os tens.

Bjão.
Sandra

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Kotta embora seja a história de um amor desencontrado, é um belo poema.
Beijos

Fatima disse...

Olha,
fiquei até emocionada.
Seu poema me fez lembrar umas coisinhas.
Bjs.

Cris Tarcia disse...

Ola! Lindo poema, me fez pensar. Seu blog tb é um encanto, posso fazer parte dos seguidores? Um grande abraço muita luz e brilho

Graça Pereira disse...

Nem sempreo amor é desencontrado, depende da época... Mas que eu achei lindo,isso é verdade! Com um certa ironia, alguma queixa...delicioso!!!
Um beijão e bom fim de semana Graça

Quintal das Rosas Decorações disse...

OI Kotta linda, acho que muitos já tiveram um amor desencontrado... Adorei seu poema... bom finde beijinhos...

Mônica

Quintal das Rosas Decorações disse...

OI Kotta linda, acho que muitos já tiveram um amor desencontrado... Adorei seu poema... bom finde beijinhos...

Mônica

Cris Tarcia disse...

Obrigada pela sua visita! Ja estou fazendo parte do grupo com muito carinho.
Um abraço

marcu disse...

Buna, KOTA! Un weekend placut.

Anjo azul disse...

Vim agradecer sua visita. E me deslumbrei neste seu cantinho!...
Simplesmente MARAVILHOSO tudo o que aqui vi...

Bom final de semana

Abraço
Anjo azul

Mariana disse...

Kotta que lindo este poema, e a foto então, transmite tranquilidade.É tudo q a gente quer.
Bom fim de semana, q ele seja lindo e iluminado.
bjs

Cris Tarcia disse...

Bom dia! Entrei no seu blog sem problema, olhei no meu vc nao esta bloqueada, pelo contrario aguardo sua visita sempre. Pode ter sido o horario, não sei , se hoje não conseguir manda noticias.
Beijos

as arteiras disse...

Olá, Kotta!
Linda foto!
Quem já não teve um amor assim, cheio de desencontros?
Às vezes, é muito bom reviver o passado, ainda mas para recordar um amor.
Gostaria de sentar nesse banco e poder conversar com você.O lugar é muito bonito.
Tenha um bom final de semana!
Bjs!!!
As arteiras

as arteiras disse...

Olá, Kotta!
Linda foto!
Quem já não teve um amor assim, cheio de desencontros?
Às vezes, é muito bom reviver o passado, ainda mas para recordar um amor.
Gostaria de sentar nesse banco e poder conversar com você.O lugar é muito bonito.
Tenha um bom final de semana!
Bjs!!!
As arteiras

Cris Tarcia disse...

Oi! Conseguiu entrar no meu blog?
Obrigada por me adicionar. A musica do seu blog é linda!
Um b~eijo

Jacqueline disse...

Fui lendo de baixo pra cima, de cima pra baixo... Muita sensibilidade mesmo!
Obrigada pela visita ao meu blog, Kotta, ao seu com certeza voltarei muitas vezes. Sabe, eu também sou de Peixes!
Abraços, Jacqueline

Carla disse...

Muito bonito este "encontrei-te"! Eu costumo dizer que, às vezes, também temos que nos encontrar a nós mesmos porque nos perdemos! Um óptimo fim-de-semana para si também desta amiga que está deste lado.

Jacque disse...

Vim convidar para conhecer meu novo Blog e pegar o Selinho de Inaguração.
http://meninadalua-jacque.blogspot.com/

Beijo.

Jacque

lia disse...

Tão lindo... gostei tanto deste poema...
é por isso que o nosso passado, apesar de passado é sempre nosso.

Wanderley Elian Lima disse...

OLá KOtta, tem um selinho para você em meu blog.
Beijos

Gilvânia C. Duarte disse...

oiee

Tem um selo pra você lá no meu blog, quando tiver um tempinho passa lá.

Beijos

PCR disse...

Belo poema!

Parabéns pelo blog...

beijo

PCR disse...

Belo poema!

Parabéns pelo blog...

beijo

Milésimo disse...

Este poema é espetacular...

Talvez o melhor que escreveste.

Bjs