sexta-feira, 16 de outubro de 2009

ATÉ QUE CHEGOU O DIA !!!



Não quero acreditar que me deixaste por covardia...
Acreditar nas tuas mentiras eu recusava, mas não era o que sentia...
Numa espera que tardava eu te queria e perdoava...
Quando rias eu sorria...
Com a tua boa disposição, eras uma boa companhia...
Se dormias eu ficava acordada...
Quando acordavas eu ainda dormia...
Tu gostavas da noite, eu gostava da luz do dia...
O meu choro era a tua alegria...
Quando eu chegava, a casa estava vazia...
Sentia-me só e sofria...
Procuravas companhias e eu quase morria...
Então eu pensava, isto tem que acabar algum dia...
Esse dia chegou, fizeste a mala e disseste que estavas de saída...
Senti uma dor enorme, mas no meu rosto nada transparecia...
Grata agradeço a DEUS todos os dias...
Porque desde que te foste, só tenho alegrias.

F.Campos